Pastoral da Juventude Rural realiza Escola Estadual de Formação em Morro Azul, Três Cachoeiras

Entre os dias 24 a 28 de fevereiro de 2016, a Pastoral da Juventude Rural – PJR realizou a Escola Estadual de Formação, como parte do processo formativo da juventude camponesa. O encontro reuniu mais de 50 jovens, de diversos municípios do Rio Grande do Sul, alguns representantes de Santa Catarina e um jovem do espírito Santo.

Após os cinco dias de muito estudo, reflexão da caminhada da juventude camponesa, de partilha da vida, dos sonhos e das lutas do jovem na roça, os participantes adquiriram maior formação humana, amadurecimento na fé, aprofundamento da espiritualidade, e firmar a sua identidade de jovens militantes de uma pastoral social a serviço da juventude da roça.

rsfev20162

O grupo fez estudo da Análise de Conjuntura, com o objetivo de estudar os diversos fatos da sociedade, para que possamos compreender seu funcionamento. Conhecer a realidade, para atuar de forma mais correta. Teve como mediadores: Fabrício Raupp, Gervásio Toffoli, Leonardo Maggi, Eduardo Cardoso e Augusto Bobsin.

Os jovens também debateram sobre Agroecologia, com Cláudio Alberto dos Santos. A agroecologia, enquanto uma ciência emergente que estuda os agroecossistemas integrando conhecimentos de agronomia, ecologia, economia e sociologia. Busca desenvolver um sistema produtivo baseado nos princípios da vida, da sustentabilidade, solidariedade, a partir de um projeto agrícola socialmente justo, economicamente viável e ambientalmente correto.

O padre Luciano Motti contribuiu na assessoria trazendo o tema da Campanha da Fraternidade, Casa Comum: nossa responsabilidade, bem como da Encíclica do Papa Francisco, Laudato Si’- Louvado Sejas! Trouxe a reflexão de como a fé pode contribuir para a superação da crise ecológica e como as ações das pequenas comunidades onde vivemos, podem sinalizar uma nova civilização.

rsfev20161

Os jovens tiveram a oportunidade de participar de diversas oficinas na tarde da sexta-feira (26), como: Saúde alternativa; Fotografia; Mística; Caldas e biofertilizantes; Música e Pintura, com a confecção da bandeira da PJR.

No sábado (27) o grupo fez visitas às propriedades agroecológicas, na Agroindústria Morro Azul e a Família Fernandes na Raposa. Neste mesmo dia, tivemos a honra de receber Dom Jaime, bispo diocesano em Osório. O mesmo reafirma a importância que a PJR tem no serviço de evangelização da juventude do campo, bem como de seu trabalho, na produção de alimentos saudáveis. Na mesma noite, a comunidade de Morro Azul, o Pe Marcelino Willrich, e a juventude celebraram uma bela missa, rica na simbologia do trabalho e da vida dos jovens camponeses. E para finalizar, o último dia foi de vivência e confraternização na praia.

Natan Fernandes, 21 anos, afirma: “Sou um jovem do campo, tenho orgulho de ser agricultor, e cuido da terra como se cuida das pessoas ao nosso redor. A PJR contribuiu para que possamos dar valor a terra, a viver com dignidade e qualidade de vida no campo”.

rsfev20163

 

 

 

 

 

Anúncios

1 Comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s